ICANN Announcements

Read ICANN Announcements to stay informed of the latest policymaking activities, regional events, and more.

Pedido de manifestações de interesse em avaliações para o NomCom

5 December 2008

Esta tradução em português é cortesia do NIC.br. Para mais informações sobre a ICANN em português, consulte http://www.icann.org.br/.

A Corporação para Atribuição de Nomes e Números na Internet (ICANN) procura uma organização capaz de entrevistar e ajudar a fazer a avaliação inicial de candidatos a cargos de liderança na ICANN. Esse trabalho servirá como base para o processo de seleção geral realizado pelo Comitê de Indicação da ICANN.

A procura por candidatos a cargos de liderança na ICANN será feita em nível mundial. As avaliações deverão ocorrer continuamente, visto que a partir de 2 de dezembro de 2008 começamos a receber manifestações de interesse de candidatos em potencial, e esse período se estenderá até 15 de abril de 2009. As avaliações serão feitas por telefone, e todas as entrevistas devem ocorrer em inglês fluente.

Histórico

A ICANN é uma corporação da Califórnia, sem fins lucrativos e de interesse público, responsável pela segurança e estabilidade da Internet, e incumbida do gerenciamento dos nomes e números distribuídos na Internet. Segundo contrato com o Departamento de Comércio dos EUA, a ICANN inclui a função IANA, que desde os primórdios da Internet administra as funções de delegação de nomes e números na Internet.

De acordo com os estatutos da ICANN, todo ano diversos cargos de liderança na Corporação são preenchidos por um Comitê de Indicação independente (veja http://nomcom.icann.org/ para mais informações) constituído de 23 voluntários, que passaremos a denominar “NomCom”. Esse comitê identifica e seleciona a maioria dos membros do Conselho de Diretores da ICANN, além de representantes para diversas organizações internas da ICANN. Cada ano o NomCom procura candidatos voluntários para essas funções, fazendo uma ampla divulgação por toda ICANN, nas comunidades relacionadas e na comunidade geral. Em seguida, o NomCom avalia os candidatos de acordo com as necessidades dos vários grupos para os quais ele os recruta, e examina seu currículo, suas qualificações e capacidades.

Até agora, o conjunto de candidatos tem sido de aproximadamente 80-100 pessoas provenientes de cerca de 50 países e de todas as regiões do mundo.

O processo de indicação/seleção é necessariamente o mais transparente possível, coerente com os estatutos da ICANN e com a cultura aberta na qual trabalha um grupo diversificado de profissionais e voluntários. Entretanto, as identidades dos candidatos são mantidas em rigoroso sigilo ao longo do processo.

Em razão do volume de trabalho significativo e crescente envolvido no processo de seleção, o NomCom de 2009 terá assistência externa para uma fase inicial de avaliação global dos candidatos, e se baseará nos seguintes critérios para escolher uma organização que fará as avaliações: habilidade e sensibilidade como entrevistadores, capacidade de fazer as avaliações no prazo indicado e honorários/custos pela avaliação.

Qualificações/Experiência

Gostaríamos de receber manifestações de interesse de organizações com as seguintes qualificações/experiência:

  1. Experiência na avaliação de profissionais para cargos de liderança em organizações com e sem fins lucrativos, com base em critérios pré-definidos.
  2. Experiência em triagens confidenciais e detalhadas de candidatos em potencial, com base em critérios pré-definidos.
  3. Experiência em entrevistas por telefone. Todos os entrevistadores devem ter experiência no trato com pessoas que não falam inglês como língua natal, e a capacidade de apresentar avaliações precisas desses candidatos.
  4. A capacidade de colher e apresentar todos os dados da avaliação num relatório abrangente e dar orientação sobre os requerimentos que não atenderem aos critérios iniciais de triagem.
  5. A capacidade de responder rapidamente a um grande fluxo de pedidos de avaliação e trazer informações para as deliberações do NomCom.
  6. A capacidade de garantir sigilo absoluto em todo seu trabalho para o NomCom.

Tarefas a serem cumpridas

  1. Criar um sistema de gerenciamento para responder com rapidez às manifestações de interesse recebidas de países de todas as regiões no mundo.
  2. Para cada candidato que passar pela primeira rodada de avaliações do NomCom (em geral, cerca da metade do número total de candidatos), entrar em contato com a pessoa por telefone (a menos que o NomCom dê outras instruções) e fazer uma avaliação ao vivo das suas qualificações, tanto com base numa lista de exigências por escrito, quanto com base nos critérios do NomCom para cada um dos cargos requeridos, examinando a maturidade, experiência e paixão do candidato pela função.
  3. Realizar um levantamento detalhado e altamente confidencial do currículo dos candidatos.
  4. Fornecer ao NomCom um resumo com as conclusões obtidas a partir das entrevistas com os candidatos.
  5. Garantir o sigilo absoluto de todo o processo.

Observe-se que o contato com os candidatos deve levar em conta que geralmente os indivíduos serão profissionais de alto nível e portanto devem ser tratados com a cortesia e consideração correspondentes. Esses contatos devem deixar os candidatos com uma visão positiva da ICANN e da experiência de avaliação.

Manifestações de interesse

As manifestações de interesse devem ser enviadas para Maria Farrell, em maria.farrell@icann.org, antes das 23h59 UTC de 24 de dezembro de 2008. O Nom Com espera escolher uma organização pouco tempo depois.

As manifestações de interesse devem corresponder diretamente às qualificações acima e indicar a capacidade de a organização realizar as tarefas descritas. Referências a atividades semelhantes são desejáveis.

Os interessados devem enviar uma estimativa de custos, pressupondo que haverá aproximadamente 100 candidatos interessados em um cargo, e que a tendência é que os requerimentos se acumulem no início e no fim do período de requerimento, de 2 de dezembro de 2008 até 15 de abril de 2009.

O Comitê de Indicação da ICANN reserva-se o direito de fazer sua escolha com base em seus próprios critérios, não necessariamente limitados a custos, e de não fazer escolha alguma.