Skip to main content

Medidas propostas para rótulos ASCII de dois caracteres "letra/letra" para evitar confusão com os códigos de país correspondentes

Esta página também está disponível em:

Data de abertura: 8 de julho de 2016 Data de encerramento: 17 de agosto de 2016
Organização de proveniência: Divisão de Domínios Globais
Categorias/Rótulos:
  • Domínios de Nível Superior
  • Domínios de segundo nível
  • Acordos com as partes contratadas
  • Segurança/Estabilidade
Breve visão geral:

Conforme à Seção 2 da Especificação 5 do Acordo de Registro de Novos gTLDs, "Para todos os rótulos ASCII de dois caracteres estará proibido seu registro ou alocação a um operador de registros no segundo nível dentro do TLD. Esses rótulos não podem ser ativados no DNS e não podem ser autorizados para seu registro a nenhuma pessoa física ou jurídica, exceto ao Operador de Registros, sempre que essas cadeias de rótulos de dois caracteres sejam autorizadas na medida em que o Operador de Registros alcance um acordo com o administrador relacionado à cadeia de código de governo e país, conforme especificado na norma ISO 3166-1 alfa-2. O Operador de Registros também pode propor a autorização destas reservas com base na sua implementação de medidas para evitar confusão com os códigos de país correspondentes, sujeito à aprovação pela ICANN".

Este comentário público visa coletar o feedback da comunidade para elaborar a lista de medidas que um registro deve implementar para desbloquear a reserva no segundo nível dos rótulos ASCII de dois caracteres "letra/letra" do sistema de nomes de domínio, conforme à Especificação 5, Seção 6, do Acordo de Registro. Se as medidas forem adotadas, todos os domínios de segundo nível de duas letras reservados atualmente seriam autorizados para todos os registros de gTLDs que implementarem as medidas.

Link: https://www.icann.org/public-comments/proposed-measures-two-char-2016-07-08-en

More Announcements
Domain Name System
Internationalized Domain Name ,IDN,"IDNs are domain names that include characters used in the local representation of languages that are not written with the twenty-six letters of the basic Latin alphabet ""a-z"". An IDN can contain Latin letters with diacritical marks, as required by many European languages, or may consist of characters from non-Latin scripts such as Arabic or Chinese. Many languages also use other types of digits than the European ""0-9"". The basic Latin alphabet together with the European-Arabic digits are, for the purpose of domain names, termed ""ASCII characters"" (ASCII = American Standard Code for Information Interchange). These are also included in the broader range of ""Unicode characters"" that provides the basis for IDNs. The ""hostname rule"" requires that all domain names of the type under consideration here are stored in the DNS using only the ASCII characters listed above, with the one further addition of the hyphen ""-"". The Unicode form of an IDN therefore requires special encoding before it is entered into the DNS. The following terminology is used when distinguishing between these forms: A domain name consists of a series of ""labels"" (separated by ""dots""). The ASCII form of an IDN label is termed an ""A-label"". All operations defined in the DNS protocol use A-labels exclusively. The Unicode form, which a user expects to be displayed, is termed a ""U-label"". The difference may be illustrated with the Hindi word for ""test"" — परीका — appearing here as a U-label would (in the Devanagari script). A special form of ""ASCII compatible encoding"" (abbreviated ACE) is applied to this to produce the corresponding A-label: xn--11b5bs1di. A domain name that only includes ASCII letters, digits, and hyphens is termed an ""LDH label"". Although the definitions of A-labels and LDH-labels overlap, a name consisting exclusively of LDH labels, such as""icann.org"" is not an IDN."