Skip to main content

Reunião Multi-Setorial Global sobre o Futuro da Governança da Internet, São Paulo – Informação atualizada sobre a conferência

Esta página também está disponível em:

Clicar aqui para ler o anúncio sobre CGI.br

A Reunião Multi-Setorial Global sobre o Futuro da Governança da Internet terá lugar em São Paulo, Brasil, nos dias 23 e 24 de abril de 2014. Esta reunião estará focada em criar princípios de governança da Internet e em propor um roteiro para a ulterior evolução do ecossistema de governança da Internet.

O Prof. Virgílio Fernandes Almeida, Coordenador do Comitê Diretivo da Internet no Brasil e Secretário para Políticas de Tecnologia Informática do Ministério da Ciência, a Tecnologia e a Inovação, presidirá a reunião. Em breve, o Presidente vai designar os co-presidentes de outros setores da comunidade global para garantir um balanço entre os múltiplos setores.

Serão criados quatro comitês para garantir o sucesso do evento.

O Comitê Multi-Setorial de Alto Nível, presidido pelo Ministro Brasileiro das Comunicações, Sr. Paulo Bernardo Silva, terá a responsabilidade de supervisionar a estratégia geral da reunião e de estimular a participação da comunidade internacional. Ele estará composto por: Uma representação de nível ministerial de doze governos; doze membros da comunidade multi-setorial (3 da sociedade civil; 3 do setor privado; 3 do setor acadêmico e 3 da comunidade técnica) a ser proposta através de /1net, e dois representantes de Organizações Internacionais a serem indicados pelo Secretário-Geral das Nações Unidas. Os nomes dos membros deste comitê serão anunciados na Segunda-feira 27 de janeiro de 2014.

O Comitê Executivo Multi-Setorial, co-presidido por Demi Getschko e por mais uma pessoa a ser proposta através de /1net, será responsável pela agenda da reunião, pelo planejamento do formato da reunião e pelo convite dos assistentes, tudo isso balançado em forma equitativa em toda a comunidade multi-setorial global. Estará formado pelos seguintes oito membros brasileiros do CGI: Maximiliano Martinhão e Benedicto Fonseca do governo, Carlos Afonso e Percival Henriques da sociedade civil, Cassio Vecchiatti e Henrique Faulhaber do setor privado, Flávio Wagner e Demi Getschko do setor acadêmico e da comunidade técnica. Outros oito membros da comunidade multi-setorial global serão propostos através de /1net antes da Sexta-feira 17 de janeiro de 2014. As Nações Unidas foram convidadas para indicar um membro de uma organização internacional.

A data da primeira reunião do Comitê Executivo Multi-Setorial será a Segunda-feira 27 de janeiro de 2014 em São Paulo, Brasil, no escritório do CGI e será facilitada a participação remota.

O Comitê de Logística e Organizacional será co-presidida por Hartmut Glaser (CGI) e Nick Tomasso (ICANN). Inicialmente, este comitê incluirá mais três membros, respectivamente do Ministério da Justiça do Brasil, do Ministério das Relações Exteriores do Brasil e uma pessoa de contato proposta pelo Comitê Diretivo de /1net. Esse comitê será responsável por orientar todos os aspectos logísticos da reunião, entre eles: atividades de extensão com a mídia, comunicações internacionais, projeto e administração do site da Internet, conscientização, local da reunião, estratégia de financiamento para viagens, segurança e participação remota.

A primeira reunião do Comitê de Logística e Organização terá lugar na Segunda-feira 27 de janeiro de 2014. Enquanto isso, os dois co-presidentes já estão trabalhando para gerar o trabalho de base para a logística da reunião para garantir uma execução em tempo oportuno.

O último comitê, o Conselho Consultivo Governamental, receberá todos os representantes de governo interessados em participar e em contribuir para a reunião. O Comitê Multi-Setorial de Alto Nível estabelecerá em breve um processo para a criação e operação deste Conselho.

Para dar apoio aos comitês e colocar suas decisões em andamento, uma Secretaria será formada, presidida por Daniel Fink, quem será encomendado com a função de Diretor-Executivo da Secretaria, de tempo integral. A Secretaria, que estará localizada em São Paulo, será responsável por todos os aspectos de gestão e operações para garantir o sucesso da reunião, entre eles: logística, finanças, risco, contribuições de conteúdos e comunicações. A data de início das operações da Secretaria será a Segunda-feira 27 de janeiro de 2014.

O site oficial para a reunião será lançado no dia 27 de janeiro de 2014. O site permitirá que a comunidade global faça contribuições para a importante agenda da reunião, que consistem nos dois tópicos específicos seguintes:

  • Princípios de governança da Internet;
  • Roteiro para a ulterior evolução do ecossistema de governança da Internet.

O roteiro deveria tratar a questão das propriedades desejáveis para criar arcabouços de governança globalmente efetivos, legítimos e em evolução. O roteiro também deveria abranger uma via para fazer com que as instituições e os mecanismos atuais evoluam e se globalizem, bem como abordar as necessidades que forem surgindo.

Diagram of High Level Meeting and Organizational Chart of Meeting Chairs

Acerca da Reunião Multi-Setorial Global sobre o Futuro da Governança da Internet

Essa reunião estará focada em criar princípios de governança da Internet e em propor um roteiro para a evolução ulterior do ecossistema de governança da Internet. A reunião está programada para os dias 23 e 24 de abril de 2014 em São Paulo, Brasil, e será transmitida ao vivo permitindo assim a participação remota. A reunião é uma aliança entre CGI.br e /1net.

Hashtag da reunião: #netmundial2014

Acerca de CGI.br

O Comitê Diretivo da Internet do Brasil, responsável pelo estabelecimento de diretivas estratégicas vinculadas ao uso e ao desenvolvimento da Internet no Brasil, coordena e integra todas as iniciativas de serviços de Internet no país, promovendo a excelência técnica, a inovação e a disseminação dos serviços oferecidos. Levando em conta os princípios do multi-lateralismo, da transparência e da democracia, CGI.br representa um modelo de governança multi-setorial da Internet com a participação efetiva de todos os setores da sociedade nas suas decisões. Uma de suas formulações é a dos 10 Princípios para a Governança e o Uso da Internet (http://www.cgi.br/principios). Mais informações: http://www.cgi.br/

Acerca de /1net

/1net oferece uma plataforma aberta e abrangente para debater questões de governança da Internet para todas as partes que estiverem interessadas (indivíduos, governos, sociedade civil, setor acadêmico, técnicos e empresas).

Mais informações sobre como participar aqui: http://1net.org/

Contato com a imprensa:

S2Publicom
Everton Schultz – everton.schultz@s2publicom.com.br – (11) 3027-0203

Departamento de Comunicações – CGI.br/NIC.br
Caroline D'Avo – Gerente de Comunicações – caroline@nic.br
Everton Teles Rodrigues – Coordenador de Comunicações – everton@nic.br


More Announcements
Domain Name System
Internationalized Domain Name ,IDN,"IDNs are domain names that include characters used in the local representation of languages that are not written with the twenty-six letters of the basic Latin alphabet ""a-z"". An IDN can contain Latin letters with diacritical marks, as required by many European languages, or may consist of characters from non-Latin scripts such as Arabic or Chinese. Many languages also use other types of digits than the European ""0-9"". The basic Latin alphabet together with the European-Arabic digits are, for the purpose of domain names, termed ""ASCII characters"" (ASCII = American Standard Code for Information Interchange). These are also included in the broader range of ""Unicode characters"" that provides the basis for IDNs. The ""hostname rule"" requires that all domain names of the type under consideration here are stored in the DNS using only the ASCII characters listed above, with the one further addition of the hyphen ""-"". The Unicode form of an IDN therefore requires special encoding before it is entered into the DNS. The following terminology is used when distinguishing between these forms: A domain name consists of a series of ""labels"" (separated by ""dots""). The ASCII form of an IDN label is termed an ""A-label"". All operations defined in the DNS protocol use A-labels exclusively. The Unicode form, which a user expects to be displayed, is termed a ""U-label"". The difference may be illustrated with the Hindi word for ""test"" — परीका — appearing here as a U-label would (in the Devanagari script). A special form of ""ASCII compatible encoding"" (abbreviated ACE) is applied to this to produce the corresponding A-label: xn--11b5bs1di. A domain name that only includes ASCII letters, digits, and hyphens is termed an ""LDH label"". Although the definitions of A-labels and LDH-labels overlap, a name consisting exclusively of LDH labels, such as""icann.org"" is not an IDN."