Skip to main content

O Comitê de nomeação da ICANN 2017 anuncia seleções

Esta página também está disponível em:

LOS ANGELES – 1 de setembro de 2017 - O Comitê de Nomeação da ICANN 2017 tem o prazer de anunciar suas seleções para oito cargos de liderança na ICANN. As seleções incluem:

Cargos para a Diretoria da ICANN

Avri Doria (América do Norte)
Sarah Deutsch (América do Norte)

Cargos para o Comitê Consultivo At-Large (ALAC)

Hadia Elminiawi (África)
Kaili Kan (Ásia, Austrália e Ilhas do Pacífico)
Ricardo Holmquist (América Latina e Ilhas do Caribe)

Cargos para o Conselho da organização de apoio a nomes com códigos de países (ccNSO)

Marita Moll (América do Norte)

Cargos para o Conselho da organização de apoio a nomes genéricos (GNSO)

Carlos Gutierrez (América Latina e Ilhas do Caribe)
Syed Ismail Shah (Ásia, Austrália e Ilhas do Pacífico)

Em breve, as fotos e biografias dos candidatos selecionados estarão publicados no site www.icann.org.

Os candidatos selecionados assumirão suas funções ao finalizar a Reunião geral anual da ICANN, durante a reunião ICANN60, entre 23 de outubro e 3 de novembro em Abu Dhabi, Emirados Árabes Unidos.

O Comitê de Nomeação recruta e seleciona uma parte dos líderes da ICANN. O Comitê de Nomeação está incumbido da responsabilidade de garantir que o quadro de líderes geral da ICANN seja diverso quanto às geografia, cultura, competências, experiência e perspectiva. Os candidatos selecionados devem cumprir com os critérios básicos seguintes:

  • Ter integridade, objetividade e bom julgamento.
  • Fornecer apoio na tomada de decisões nos grupos.
  • Poder trabalhar de maneira eficiente em inglês
  • Entender a missão e operação da ICANN.
  • Estar comprometidos com o sucesso da ICANN.
  • Ter experiência em assuntos mundiais.
  • Contribuir para a expertise cultural, profissional e geográfica.
  • Ter capacidade para trabalhar de maneira intensa e por muitas horas, sendo em geral voluntários, visando a confiança pública mundial.

Órgão independente para servir a comunidade

Hans Petter Holen, presidente do Comitê de Nomeação 2017, fez o comentário seguinte sobre os resultados do Comitê de Nomeação 2017:

"Como presidente, tenho a honra, o prazer e a responsabilidade de anunciar que o Comitê de Nomeação 2017 completou o trabalho que lhe foi encomendado pela Comunidade da ICANN e que fez as seleções mencionadas acima.

Gostaria de agradecer ao Comitê de Nomeação por seu trabalho e sua dedicação, por trabalhar de maneira construtiva e eficiente para alcançar um acordo final.

Eu quero agradecer especialmente a Joette Youkhanna e a Jia Kimoto pelo excelente apoio oferecido ao comitê. E também agradecer a Zahid Jamil e a Stephane van Gelder pelo apoio que me deram na equipe de liderança durante o ano inteiro e a Stephane van Gelder pelos relatórios fornecidos de forma regular ao Comitê e à comunidade sobre o nosso trabalho.

Durante a Reunião Geral Anual em Abu Dhabi, o Comitê vai apresentar seu relatório final à Comunidade da ICANN. Esse relatório descreve seu trabalho e fornece dados exaustivos sobre as solicitações de candidatos recebidas".

Descrição dos requerentes por região

Conforme observado acima, o Comitê de Nomeação 2017 recebeu 99 candidaturas de todo o mundo (36 mulheres e 63 homens) durante este período de nominação. O referido período começou em 11 de janeiro e finalizou em 21 de março de 2017.

O detalhe dos candidatos por região para este ano é:

16 da África
23 da Ásia, Austrália e Ilhas do Pacífico
25 da Europa
13 da América Latina e Ilhas do Caribe
22 da América do Norte

Para mais informação sobre o Comitê de Nomeação, visite http://nomcom.icann.org/.


More Announcements
Domain Name System
Internationalized Domain Name ,IDN,"IDNs are domain names that include characters used in the local representation of languages that are not written with the twenty-six letters of the basic Latin alphabet ""a-z"". An IDN can contain Latin letters with diacritical marks, as required by many European languages, or may consist of characters from non-Latin scripts such as Arabic or Chinese. Many languages also use other types of digits than the European ""0-9"". The basic Latin alphabet together with the European-Arabic digits are, for the purpose of domain names, termed ""ASCII characters"" (ASCII = American Standard Code for Information Interchange). These are also included in the broader range of ""Unicode characters"" that provides the basis for IDNs. The ""hostname rule"" requires that all domain names of the type under consideration here are stored in the DNS using only the ASCII characters listed above, with the one further addition of the hyphen ""-"". The Unicode form of an IDN therefore requires special encoding before it is entered into the DNS. The following terminology is used when distinguishing between these forms: A domain name consists of a series of ""labels"" (separated by ""dots""). The ASCII form of an IDN label is termed an ""A-label"". All operations defined in the DNS protocol use A-labels exclusively. The Unicode form, which a user expects to be displayed, is termed a ""U-label"". The difference may be illustrated with the Hindi word for ""test"" — परीका — appearing here as a U-label would (in the Devanagari script). A special form of ""ASCII compatible encoding"" (abbreviated ACE) is applied to this to produce the corresponding A-label: xn--11b5bs1di. A domain name that only includes ASCII letters, digits, and hyphens is termed an ""LDH label"". Although the definitions of A-labels and LDH-labels overlap, a name consisting exclusively of LDH labels, such as""icann.org"" is not an IDN."